Barrinha da evolução de Peso

5 de fevereiro de 2016


Bom dia Amigos,

Sair de casa para fazer exercícios é um ó!  Aquela velha história...quando eu penso em ir pra academia me dá uma vontade danada...mas a vontade vem e passa, putz tá difícil retomar a rotina Fit. Todo dia prometo que vou fazer ao menos uma caminhada e acaba não acontecendo nada. Pra me ajudar, a prefeitura cancelou todas as atividades noturnas, não dá tempo de fazer mais a hidroginástica, expressão corporal, aerothai, zumba...perdi todas as atividades maravilhosas e gratuitas. A maior demanda de procura no espaço da mulher é a noite, agora as atividades se encerram ás 17:00 para contenção de gastos. Ok, diminui bem o gasto...MEU gasto calórico. Não tenho grana para bancar tudo o que fazia grátis. No máximo uma academia, já é um bom começo. E correr e caminhar continua grátis também, basta ter vergonha na face!

Nesse ritmo de estagnação em que me encontro tenho seguidos os dias. Dias pesados, dias desanimados, dias descuidados, dias perdidos. Sim, estou começando a perder meu tempo outra vez. Que merda. Estou aqui tentando encontrar o dia que decidi me abandonar para rebobinar a fita e começar tudo outra vez. Recomeçar é muito difícil, muito. Eu detesto recomeçar, mas não paro de desistir. O ciclo estava ótimo, e bastou uma coisa dar errada - a culpa toda da expectativa que coloquei em mim - e tudo está diluindo aqui, meu auto controle está se dissipando, escorrendo entre os dedos, estou muito aflita.

Não vou mais procurar motivação para fazer exercícios, é muita ingenuidade minha pensar que todas as pessoas do mundo se derretam de prazer ao subir numa esteira ou apertar o passo na calçada. Vou voltar a caminhar e correr porque você tenho que fazer e pronto, até porque essa é a verdade. Eu até gosto enquanto dura a atividade, o dificil é começar. 

Com certas coisas vou precisar cortar as emoções, ignorá-las. Sou muito emotiva e estou levando aqui uma ferida que eu mesma causei, e eu mesma não deixo cicatrizar… “hoje estou triste, não quero fazer isso… hoje estou muito ocupada, não vou fazer aquilo”… preciso parar já com isso. 

Do resto, a magia de perder peso e manter esse peso perdido é pura matemática simples. Preciso gastar mais do que consumo para equilibrar, nada radical. Exceto quando outros fatores (como doenças) entram na fórmula, aí ela vira matemática aplicada não é mesmo? Pois entra medicamentos, médicos e mais médicos, tratamentos e tals.

Espero de coração que eu consiga vencer esse procrastinador crônico que insiste em domar minhas atitudes. E rápido, tenho medo de botar todo meu tratamento a perder.

Trágico:

Beijos e vamos que vamos.





0 comentários:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto

Sou Silvia, romântica de alma, sonhadora e agora em busca do renascimento, um corpo saudável. No dia 12/06/2013 me submeti a cirurgia bariátrica, fiz o Bypass Gastrico em Y de Roux por video pelo convênio Bradesco no Instituto Garrido, depois de muitos meses pensando, enfim decidi! Vou dividir com voces a jornada da cirurgia, principalmente a parte burocrática e adoraria fazer novas amizades! bem vindos no meu diário, ele está aberto.

Pesquisar este blog

Evolução mês a mês

  • 12/06/2015 66,5 kilos 2 anos
  • 12/05/2015 66,5 kilos
  • 12/04/2015 66 kilos
  • 12/03/2015 67,2 kilos
  • 12/02/2015 67,2 kilos
  • 12/01/2015 68,6 kilos
  • 12/12/2014 69,2 kilos
  • 12/11/2014 69,5 kilos
  • 12/10/2014 70 kilos
  • 12/09/2014 72 kilos
  • 12/08/2014 73 kilos
  • 12/07/2014 73 kilos
  • 12/06/2014 73,5 kilos - 1 ano
  • 12/05/2014 74 kilos
  • 12/04/2014 75 kilos - meta médica
  • 12/03/2014 80 kilos
  • 12/02/2014 83 kilos
  • 12/01/2014 85 kilos
  • 12/12/2013 90,7 kilos
  • 12/11/2013 94 kilos
  • 12/10/2013 100 kilos
  • 12/09/2013 105 kilos
  • 12/08/2013 111,5
  • 12/07/2013 118,5 kilos
  • 12/06/2013 Maior peso 138 Kilos dia da cirurgia

Siga- me por e-mail!

Google+ Followers

Tecnologia do Blogger.

Minha lista de blogs