Barrinha da evolução de Peso

15 de outubro de 2015

Olá meus amigos!

Sumi, voltei, sumi denovo... amo voces e respondo todos que me mandam e-mail...devagar e sempre hein e nas redes sociais também.
Muito obrigada pelo carinho de sempre, fico comovida e grata.

O que ando fazendo da vida?
Depois de alcançar meu peso, fazer 2 reparadoras (barriga e seio),namorar um gentleman e minha mãe voltar andar...olha estou assim pisando em nuvens...vou até sussurar porque tenho medo de falar muito alto...eu estou mega feliz!

Os problemas continuam aqui...somos humanos né gente...eu cheia de neuras como sempre, vigiando a alimentação, trabalhando muito namorando mais ainda rsrsrs, brincadeiras a parte tenho seguido com determinação, ontem mesmo retirei 7 vidrinhos de sangue para 18 análises para descobrir a sonolência exagerada que estou ultimamente.

Nada é fácil, acrescentei mais 1 médico na enorme lista (cirurgião plástico) e vou indo confiante. Não estou malhando, mês que vem estou liberada, faço caminhadas 3x na semana, voltei com terapia, vitaminas, remédios...

a recuperação das plásticas foi muito boa, fiz esforço e meu seio vazou um pouco, quebrei um vaso interno e o médico quer reposicionar minha auréola, me arrepio só de pensar. Fato este que me trouxe aqui hoje, estou muito desanimada em colocar pra fora meus sentimentos, na maioria das vezes questiono essa minha felicidade. A terapia, só respondo o que o terapeuta pergunta, não consigo me abrir, cheguei num ponto que penso que tudo o que eu disser será uma mentira, não sei o que é...sabe quando parece que tudo o que voce precisa era isso? já se sentiram assim sem expectativa, falta de sonho...acho que meu único sonho era sentir o que sinto hoje...sei lá, estou com sintomas de falta de ambição. Tenho inúmeras coisas pra fazer mas  não tenho coragem de dar andamento em mais nada, tipo: já tá bom. É vazio pensar assim e deprimente. E ingrato da minha parte, já que conquistei muito do almejei.

Como não acredito no acaso, na última consulta com o cirurgião dia 07/10 quando fiz 3 meses de cirurgia plástica ele me fotografou e enquanto esperava no consultório encontrei minha amiga - que não é mais virtual - Cris. Ela me reconheceu e fiquei tão, tão tão feliz que fico assim sem palavras...eu indiquei meu médico (gastro e plástico) e a danada foi com tudo, linda, está na fase das reparadoras, temos muito em comum e conhecê-la assim sem esperar, sem combinar trouxe um bálsamo pra minha vida turbulada de ex-obesa mórbida.
Leitora do meu blog há tempos, me conhece muito bem, então aproveitei o tempo para conhecer sua história, ela gostou do médico, conversamos bastante, e íamos juntas na palestra do Garrido mas que de tão cheia não cabia acompanhantes, então nos despedimos brevemente e fui embora com o coração bem confortável.

A mensagem no meu celular depois que me alertava sobre o blog, que com sua permissão Cris repasso aqui: "Quando voce achar que seu blog não vale mais nada, lembre-se de quantas pessoas voce ajudou com seus depoimentos".

Eu realmente comentei algo como palavras vazias, desabafos tolos. Porém esse era o sentido, expurgar, arrancar, colocar pra fora meus sentimentos, e isso trouxe seguidores, trouxe pessoas que passam tudo, ou parte do que eu passo, aqui encontrei conforto, auxílio, críticas e muita alegria, a mensagem da Cris, conhecer e ela me reconhecer teve um peso, me lembrou de como cheguei onde estou e onde ela está, minhas palavras, minha vida a incentivou e era a chacoalhada que eu estava esperando para não sentar mais na cadeira da minha terapeuta por 30 minutos que não são nada baratos e trocar meias palavras, a música não pode parar de tocar, fazer valer quando digo que estamos juntos não é mesmo? Então volto com tudo dividir minhas histórias, a ajuda é mutua.

Obrigada Cris, voce não tem ideia de como foi bom te conhecer e não tenha dúvidas que voce mudou mais minha vida do que eu a sua!
Pena que não fizemos uma selfie para registrar, espero que não nos falte oportunidades.

A cabeça de uma pessoa que trocava qualquer coisa por comida não é fácil mesmo de lidar, um dia de cada vez, aquele papo antigo de que somos eternos aprendizes...estou aqui 2 anos e 4 meses de luta árdua contra a obesidade, caindo, levantando e mantendo a fé.

Beijos meus amigos e vamos que vamos!





10 comentários:

  1. Menina, já estava preocupada com sua ausência! Que bom que voltou! Sdds!

    ResponderExcluir
  2. Nossa, quanto tempo!!!! Estava com saudades de ler seus posts. Você é uma das minhas fontes de inspiração. Seu sucesso me contagia e me deixa feliz.

    ResponderExcluir
  3. Nossaaaaaaaaaaaaaa ! Estou lendo o seu post em prantooooooooos ! Não se preocupe, não faltarão oportunidades de nos encontrarmos, ainda mais por que em breve estarei em Alphaville kkkk.
    Sobre a sonolência, no meu caso, descobri que era a ferritina baixa, vou ter que tomar noripurum na veia. Com certeza no seu caso, vai aparecer algo nos exames. Infelizmente é o lado ruim da cirurgia, que ninguém divulga... mas não me arrependo jamais !
    Sobre a terapia, tive o mesmo problema. Depois de um tempo de cirurgia eu fiz terapia por uns 2 meses e parei, pois não me identifiquei com o psicólogo. Acabei descobrindo que o que eu precisava mesmo era de outras coisas, acabei não voltando e fiquei super bem. Aproveitei para usar o valor para outras coisas que eu estava precisando. Verifique se voltar a escrever no blog não é a terapia que você está precisando.
    Sobre a falta de ambição, informo que estou em um momento parecido da minha vida. O nome disso é zona de conforto. Você teve sempre que “se virar nos 30” para sobreviver. Se virando praticamente sozinha. Agora está em um momento de calmaria, socialmente aceitável: família está bem, tem um bom emprego, um namorado legal... Mas a vida é uma roda gigante que está sempre nos testando. Por isso, a minha sugestão é traçar metas para o ano que vem. Sempre no final do ano, traço metas pessoais (curto prazo: 01 ano, médio prazo: 02 a 03 anos e longo prazo: 05 anos. São elas que me guiam nesses momentos em que sinto a zona de conforto. Não podemos estagnar jamais, pois se a vida nos testar, sempre temos um plano B. E a vida sempre vai nos testar, pois somos espíritos em evolução.
    Queria dizer que adorei te ver e descobrir que a minha “ídala” pessoal existe, é uma pessoa normal, de carne e osso, corajosa, linda e inteligente. Agradeço a Deus por ter migrado a nossa amizade do pessoal para o real !
    Grande beijo !

    ResponderExcluir
  4. Oi Silvia!! Bom dia!! Pretendo me submeter a gastroplastia em dezembro e seu blog caiu como uma luva para eu me informar melhor sobre minhas duvidas secretas kkk coisas que eu podia muito bem perguntar pro médico, mas fica aquela vergonha kkk em novembro faço minha última consulta pre-operatória e estou muito confiante de que vai dar tudo certo. Te agradeço pelos posts, principalmente pelo do Funil, do Anticoncepcional e do primeiro dia pós cirugia! Também pretendo divulgar minha experiência no Instagram, mas isso só mais pra frente. Muito obrigada por compartilhar, você é linda, escreve bem, adorei conhecer a ti pelo seu blog! Bem, é isso! Bjinhos

    ResponderExcluir
  5. Menina, vc não pode parar! vc me inspirou a fazer a minha cirurgia! Estou com 19 dias de operada. Li muitos blogs, mas o seu foi o mais verdadeiro que já li. Me identifiquei com muitas coisas, e confesso que qdo entrava nele e não via nenhuma atualização ficava frustrada! A "Cris" tem td razão vc está numa zona de conforto, e acho que traçar metas irá te ajudar. Continue nos inspirando! Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi Sílvia, me chamo Bruna e estou prestes a passar pela cirurgia também. Criei um diário para registrar tudo o que vou viver e gostaria do teu apoio!!! Beijinhos.

    http://brunakern.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Obaaaa alegria infinitaaa Silvinha voltou pra nossa alegria! Silvinha vc não tem idéia da importância que tem pra quem acompanha esse blog... Lembro que quando acordei da minha cirurgia queria mto um abraço seu! Qualquer coisa conte comigo! Beijos

    ResponderExcluir
  8. eu sou uma das pessoas inspiradas por vc... não desista !!! renove seus planos, sua lista de desejos e bora buscar por eles, quanto a terapia eu abandonei a minha pois falar sobre o que ja me deixou triste um dia me deixava mais triste... vivo melhor sem! Mas isso sou eu...
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Sílvia qual seu facebook. Gostaria de te acompanhar por la. Ver fotos... estou prestes a fazer q cirurgia e tem sido mto bom acompanhar seu blog.

    ResponderExcluir

Quem sou eu

Minha foto

Sou Silvia, romântica de alma, sonhadora e agora em busca do renascimento, um corpo saudável. No dia 12/06/2013 me submeti a cirurgia bariátrica, fiz o Bypass Gastrico em Y de Roux por video pelo convênio Bradesco no Instituto Garrido, depois de muitos meses pensando, enfim decidi! Vou dividir com voces a jornada da cirurgia, principalmente a parte burocrática e adoraria fazer novas amizades! bem vindos no meu diário, ele está aberto.

Pesquisar este blog

Evolução mês a mês

  • 12/06/2015 66,5 kilos 2 anos
  • 12/05/2015 66,5 kilos
  • 12/04/2015 66 kilos
  • 12/03/2015 67,2 kilos
  • 12/02/2015 67,2 kilos
  • 12/01/2015 68,6 kilos
  • 12/12/2014 69,2 kilos
  • 12/11/2014 69,5 kilos
  • 12/10/2014 70 kilos
  • 12/09/2014 72 kilos
  • 12/08/2014 73 kilos
  • 12/07/2014 73 kilos
  • 12/06/2014 73,5 kilos - 1 ano
  • 12/05/2014 74 kilos
  • 12/04/2014 75 kilos - meta médica
  • 12/03/2014 80 kilos
  • 12/02/2014 83 kilos
  • 12/01/2014 85 kilos
  • 12/12/2013 90,7 kilos
  • 12/11/2013 94 kilos
  • 12/10/2013 100 kilos
  • 12/09/2013 105 kilos
  • 12/08/2013 111,5
  • 12/07/2013 118,5 kilos
  • 12/06/2013 Maior peso 138 Kilos dia da cirurgia

Siga- me por e-mail!

Google+ Followers

Tecnologia do Blogger.

Minha lista de blogs