Barrinha da evolução de Peso

3 de agosto de 2014

Boa tarde.

Fiz um bolo diet de fubá. Simples, fácil. O que me deixa intrigada é por qual motivo um pedaço de bolo me deixa tão feliz?

Parei de vincular dias da semana com comida, tipo sabadão dia de pizza, domigão dia de macarronada e coisas desse tipo, aprendi na terapia pra compulsão alimentar. Mas hoje domingo e estou meio assim...sei lá. E me deu vontade de comer o mundo.

Pra não atrapalhar meu tratamento, porque sou uma gorda em tratamento, fiz esse bolo diet tolerável e dentro do meu novo propósito de vida. E comê-lo foi tão bom, tão bom, tão saboroso, que agora me sinto mal de ter me sentido tão bem, dá pra entender?


Graças á  Deus não dá pra repetir, fiz uma receita grande até. Mas não cabe mais nada...ufa. Mas estou com a alma em paz neste momento, porque sei que á noite ou amanhã posso comê-lo outra vez se eu quiser, não preciso comer a forma inteira agora, esse mesmo prazer posso sentir outra vez, e quantas vezes mais eu sentir vontade, mas sempre me respeitando.

Minha terapeuta diz que se eu decidir comer, então vou desfrutar do momento, comer e ficar bem. Passou já era, vida segue, nada de ficar pensando no que colocou no estômaguinho, se for pra pensar que seja antes.

Não estou com sensação de culpa, não é nada disso, o que me incomoda é ficar tão confortável comendo. Sempre tem que ser assim? Um pedaço de bolo equivale um abraço? Porque me senti assim,entendida, abraçada com um simples pedaço de bolo.

Beijos amigos e vamos que vamos.



6 comentários:

  1. Nossa...
    Não tenho nem palavras. Texto maravilhoso, Sil.

    Por que? Por que um pedaço de bolo nos faz tão bem?

    Eu ando nuns dias complicados. Querendo (e comendo) o mundo, também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, vc é uma querida! Isso vai ter que passar.

      Excluir
  2. Sil eu ando assim , tendo que me controlar no meu caso nem é o doce é salgado ao eu recorro pra pipoca é o que tem me salvado . Também me pergunto porque precisamos tanto nos satisfazer com comida, ainda bem que hoje temos controle. Ontem minha irmã fez salgadinhos de festa , desses pequenininhos e eu comi um e meio não pesou na consciência pois antes eu comeria uns dez ou mais brincando . Temos que ter controle mas acho que não podemos nos privar de tudo senão endoidaremos .
    Você está certíssima !

    Beijoooo ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vdd Pati, qq hora dessas ficamos louca de fato! rsrsrs Beijo grande.

      Excluir
  3. Porque somos filhas de uma boleira de mão cheia! Como não amar?

    ResponderExcluir

Quem sou eu

Minha foto

Sou Silvia, romântica de alma, sonhadora e agora em busca do renascimento, um corpo saudável. No dia 12/06/2013 me submeti a cirurgia bariátrica, fiz o Bypass Gastrico em Y de Roux por video pelo convênio Bradesco no Instituto Garrido, depois de muitos meses pensando, enfim decidi! Vou dividir com voces a jornada da cirurgia, principalmente a parte burocrática e adoraria fazer novas amizades! bem vindos no meu diário, ele está aberto.

Pesquisar este blog

Evolução mês a mês

  • 12/06/2015 66,5 kilos 2 anos
  • 12/05/2015 66,5 kilos
  • 12/04/2015 66 kilos
  • 12/03/2015 67,2 kilos
  • 12/02/2015 67,2 kilos
  • 12/01/2015 68,6 kilos
  • 12/12/2014 69,2 kilos
  • 12/11/2014 69,5 kilos
  • 12/10/2014 70 kilos
  • 12/09/2014 72 kilos
  • 12/08/2014 73 kilos
  • 12/07/2014 73 kilos
  • 12/06/2014 73,5 kilos - 1 ano
  • 12/05/2014 74 kilos
  • 12/04/2014 75 kilos - meta médica
  • 12/03/2014 80 kilos
  • 12/02/2014 83 kilos
  • 12/01/2014 85 kilos
  • 12/12/2013 90,7 kilos
  • 12/11/2013 94 kilos
  • 12/10/2013 100 kilos
  • 12/09/2013 105 kilos
  • 12/08/2013 111,5
  • 12/07/2013 118,5 kilos
  • 12/06/2013 Maior peso 138 Kilos dia da cirurgia

Siga- me por e-mail!

Google+ Followers

Tecnologia do Blogger.

Minha lista de blogs