Barrinha da evolução de Peso

29 de maio de 2014

Bom dia!

Sempre que acontece uma mudança muito grande na vida existiu um start, algo acontece que te faz mudar tudo completamente.  Comigo não foi diferente. Meu Start aconteceu em janeiro de 2013.

Todo obeso conhece de cor e salteado um milhão de dietas e como se faz para emagrecer, mas sair do papel é outra história. Depois de inúmeras tentativas frustradas de perder peso e manter o peso perdido eu apelei para as fórmulas com acompanhamento médico. Meu salário baixo, ficava quase todo nas farmácias, entre moderadores de apetite, anti  depressivos e controladores hormonais. Eu estava desesperada para emagrecer, 10 anos obesa tinha me exaurido a vida completamente e minha querida irmã Nina começou a me ajudar financeiramente, ela é uma das pessoas que nunca desistiu de mim. Sempre me apoiando, fazia o que podia para me ajudar.  O tratamento surtiu efeito e ao longo de 2 meses emagreci 13 quilos. Não vi diferença alguma , eu precisava emagrecer  70 quilos e um esforço  enorme para me manter na dieta pois eu não tratava o emocional. Chegou um momento que mesmo com tantos medicamentos eu voltei a comer muito, exageradamente e isso me assustou. Remédios que me tiravam o sono, a depressão ficou mascarada, eu estava um lixo, um caco, mas o remédio não deixa isso transpassar, fiquei apática, triste, com insônia, crises de choro alternados com alegria sem motivo.  E mesmo assim continuei, não havia mais o que fazer, tomava os remédios e me entregava ás compulsões sem nenhum pudor. Engordei os 13 quilos emagrecidos mais uma vez.
Um dia meu filho me viu trocando de roupa e disparou com toda a inocência de uma criança de 3 anos: “Mãe...porque você come toda a comida?” me perguntou isso por causa do tamanho da minha barriga. Eu respondi que ainda não sabia porque fazia isso. Fiquei sentada na cama pensando nisso, porque eu como tanto? E a culpa me assolou outra vez.  Eu não podia fazer isso com minha família, com minha irmã que me dava o dinheiro, eu não merecia viver. Passei uma semana com aquele nó na garganta, um sentimento de fracasso tão dolorido que não desejo para um inimigo.


Naquela mesma semana fiz o treinamento de 2 pessoas novas no setor da empresa que trabalho. Uma dessas pessoas é uma mulher  gastroplastizada. Muito comunicativa, ficávamos o dia inteiro juntas e em uma conversa ela me contou sobre a redução de estômago. Embora ela não teve sucesso com a cirurgia, pois engordou tudo denovo dentro de 3 anos por conta da depressão e falta de acompanhamento médico eu achei interessante o fato de conhecer alguém que fez e ficou pelo menos viva, rsrsrs. Eu achava que a Bariátrica era para obesos que nem andam mais, e achava que quase todos morriam, não tinha conhecimento da evolução na medicina nesse campo. Eu não imaginava que também era obesa mórbida, me achava gorda somente.  Ela me passou o telefone do seu médico tão espontaneamente que liguei e marquei uma consulta em janeiro de 2013 só pra ver como era. Depois de 1:15 na sala com o cirurgião – Da CLIMED – Não foi com ele que operei, troquei depois, porque ele atendia com reembolso. Sai de boca aberta com esse mundo novo e surpreendente que se abriu pra mim e desanimada pois ele me disse que chegaria a pesar 90 quilos, que não era milagre. 

Saí de lá com uma bateria de exames na mão, acho que uns 60 exames no total e nenhuma certeza de nada. Tudo muito novo. Deixei passar 4 ônibus e não consegui entrar, fiquei paralisada no ponto. Eu só pensava no que fazer. Será que eu deveria arriscar? Não teria mais volta. Seria uma jornada imprevisível.

Por um momento eu vi um filme na minha cabeça e sabe aquele calor no coração e aquela voz suave no cantinho que te diz: “Vai ! Esse é o caminho.” Eu estava com a resposta da pergunta que me fiz aquela semana inteira “Deus, quando as coisas vão mudar pra mim? Quando vou ter uma nova chance?” ....Estava ai a resposta que Deus me deu. 

Esse foi meu start para cirurgia Bariátrica.


Beijos amigos, vamos que vamos.


14 comentários:

  1. Adorei saber seu pontapé inicial... Venho acompanhando seu blog silenciosamente, mas hoje resolvi mostrar-me... rsrsrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luciana, obrigada por se mostrar...rsrsrs, muito bem vinda sempre! Beijos

      Excluir
  2. O meu start foi no fim do ano passado, quando decidi que não queria uma vida mais ou menos completa, mais ou menos feliz e mais ou menos gorda ou gordinha. E nem me sentir incapaz. Eu decidi ter coragem e não ser mais vitima de mim mesma. Então comecei a pesquisar e encontrei o blog de todas vocês, e vi que estavam felizes e bem. Foi o empurrãozinho que precisava! =)

    ResponderExcluir
  3. Oii Amiga ,

    Sil eu fico imaginando o que se passou pela sua cabeça vendo seu filho falar com você , porque criança é de uma sinceridade absurda e vindo de um pedacinho seu , é um sacode forte. Mas graças a Deus as coisas tomaram outro rumo .
    Fica com Deus !
    Beijoo Beijo ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pati, isso mesmo, cisas duras temos que enfrentar por conta da obesidade. Beijos

      Excluir
  4. ola!
    estou prestes a fazer a cirurgia e encontrei seu blog!
    muito legal com informações e tudo que vc passou!!!
    muito legal!
    quero seguir vc mas nao to encontrando como seguir!!!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana, que bom, obrigada. O link de seguir sumiu...obrigad apor avisar vou arrumar já já...rsrsrs Beijos

      Excluir
  5. Linda a sua história Sil. Chorei emocionada. Nem tenho mais o que dizer.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tati, obrigada pelo carinho de sempre. Beijo grande.

      Excluir
  6. Silvia, que barra hein?!? Lendo teu relato, imaginei a tua angústia... E essa pergunta do teu filho, ainda que inocente, mas sabemos que com a sinceridade das crianças, deve ter te doído muito.
    Nunca tomei medicamentos para emagrecer, me traumatizei ao ver minha madrinha e outras pessoas sofrendo com os efeitos colaterais graves que tiveram e barrei esta opção e realmente parece ser bem complicado.
    E pensar que tua colega foi essa luz no horizonte... Mais uma prova da importância das pessoas e relações.
    Que bom que tomaste essa decisão e decidiu viver! Estou feliz de ter tido coragem de mudar e acreditar em mim novamente.
    Agora pode acompanhar meus relatos tb, adorei tua visita ;)
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu minha amiga como é dura a vida da obesidade. Isso mesmo, sempre é importante as nossas relações, por isso sempre acredito que dá para melhorar, vc conseguiu e consegue outra vez. Estou na torcida por vc! Lógico que vou acompanhar. Bjkas

      Excluir
  7. Meu start foi qdo encontrei um colega de faculdade, depois de 15 anos de formada. Ele que me reconheceu primeiro e foi super delicado, não disse uma palavra sobre como eu estava mudada...mas mesmo assim eu fiquei com tanta vergonh a de mim mesma. Dois anos desse encontro, sete meses de cirurgia e 41 kgs off!
    Muito feliz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa meus parabéns pela iniciativa! Uma hora algo nos faz mudar não tem jeito a vida empurra. beijão

      Excluir

Quem sou eu

Minha foto

Sou Silvia, romântica de alma, sonhadora e agora em busca do renascimento, um corpo saudável. No dia 12/06/2013 me submeti a cirurgia bariátrica, fiz o Bypass Gastrico em Y de Roux por video pelo convênio Bradesco no Instituto Garrido, depois de muitos meses pensando, enfim decidi! Vou dividir com voces a jornada da cirurgia, principalmente a parte burocrática e adoraria fazer novas amizades! bem vindos no meu diário, ele está aberto.

Pesquisar este blog

Evolução mês a mês

  • 12/06/2015 66,5 kilos 2 anos
  • 12/05/2015 66,5 kilos
  • 12/04/2015 66 kilos
  • 12/03/2015 67,2 kilos
  • 12/02/2015 67,2 kilos
  • 12/01/2015 68,6 kilos
  • 12/12/2014 69,2 kilos
  • 12/11/2014 69,5 kilos
  • 12/10/2014 70 kilos
  • 12/09/2014 72 kilos
  • 12/08/2014 73 kilos
  • 12/07/2014 73 kilos
  • 12/06/2014 73,5 kilos - 1 ano
  • 12/05/2014 74 kilos
  • 12/04/2014 75 kilos - meta médica
  • 12/03/2014 80 kilos
  • 12/02/2014 83 kilos
  • 12/01/2014 85 kilos
  • 12/12/2013 90,7 kilos
  • 12/11/2013 94 kilos
  • 12/10/2013 100 kilos
  • 12/09/2013 105 kilos
  • 12/08/2013 111,5
  • 12/07/2013 118,5 kilos
  • 12/06/2013 Maior peso 138 Kilos dia da cirurgia

Siga- me por e-mail!

Google+ Followers

Tecnologia do Blogger.

Minha lista de blogs